RSS

Fabricante investiga acusação de “racismo”

29 dez

Fabricante investiga acusação de “racismo” em software
SOS Racismo – Notícias

Um “bug” no programa de facial-tracking (detecção de movimentos do rosto do usuário) da HP causou certa polêmica nesta semana. Um usuário, chamado de Black Desi (Desi Negro) postou um vídeo no YouTube em que o recurso é testado por ele com uma constrangedora falha.

Quando Desi, negro, se move na frente da câmera, ela permanece imóvel. Já ao aparecer Wanda, uma mulher branca, o recurso funciona perfeitamente.

– Acho que a minha negritude está interferindo no funcionamento da câmera – diz Desi.

Confira o vídeo abaixo.

A empresa, um dos maiores fabricantes de computadores do mundo, postou nesta segunda-feira que estava examinando o programa, desenvolvido para localizar o rosto por medir o contraste entre os olhos, bochechas e o nariz.

Segundo a HP, a câmera talvez tenha dificuldade em detectar este contraste em ambientes pouco iluminados.

O vídeo foi postado no dia 10 de dezembro sob o título “HP Computers Are Racist” (ou, computadores da HP são racistas, só para esclarecer, não fui eu quem chamou o computador de racista, mas sim o usuário que aparece no vídeo testando a máquina). Desde sua publicação foram mais de 270 mil visualizações.

Fonte: Infosfera

Geledes
http://twurl.nl/bdcley

 
Deixe um comentário

Publicado por em dezembro 29, 2009 em Uncategorized

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: