RSS

CTB-RS cria coletivo de Combate ao Racismo

26 out


25/10/2011
Depois da Bahia e no Rio de Janeiro, o Rio Grande do Sul é o terceiro estado em que a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) criou o Coletivo de Combate ao Racismo. O ato, realizado em 24/10, contou com a presença de Valmira Luzia, Secretária Nacional de Igualdade Racial da CTB, e de Silvio Pinheiro, Secretário de Políticas Sindicais da CTB-BA.
valmira_guiomar
O objetivo desse Coletivo é tornar público os casos de preconceito racial e de proporcionar condições de igualdade a quem é discriminado em seu local de trabalho.
A diretora de Políticas Sociais da CTB-RS, Izane Mathos, escolhida para coordenar o Coletivo estadual, justificou a prioridade no lançamento. “O Rio Grande do Sul é um estado conservador, onde a característica é a colonização europeia. Aqui, o afrodescendente é muito discriminado, principalmente em seu local de trabalho. Queremos agregar trabalhadores do setor rural porque nós temos no campo a questão dos quilombolas, que sofrem pela falta de terra ou de documentação da sua terra, que foi herdada dos ancestrais. Queremos, também, defender os afrodescendentes não só em seus locais de trabalho, mas também atuar nas questões que os envolvem na sociedade”.
A diretora da Secretaria Nacional de Igualdade Racial da CTB, Valmira Luzia da Silva, considerou vitoriosa a iniciativa. “Nós conseguimos fazer uma discussão ampla sobre as questões relacionadas à luta do Coletivo de Combate ao Racismo, como o fim da discriminação no mercado de trabalho. Conseguimos, também, confirmar a agenda até o final deste ano, a fim de projetar para 2012 outras atividades, como audiências públicas, que ajudem o nosso movimento a crescer no Rio Grande do Sul. É uma região vital para a CTB, já que no Sul estão localizados grandes sindicatos da nossa Central, além de ter sido local onde historicamente ocorreram grandes conflitos por causa da discriminação racial”.
A diretora da Secretaria Nacional de Igualdade Racial da CTB, Valmira Luzia da Silva
O Secretário de Políticas Sindicais e representante do Coletivo Nacional de Combate ao Racismo, Silvio Pinheiro, destacou a importância de fortalecer os coletivos regionais. “Nosso objetivo é implantar o Coletivo na maioria dos estados até 2012, a fim de ser criada a Secretaria de Combate ao Racismo, fórum ideal para a discussão em nível nacional de questões que envolvam o racismo no mercado de trabalho”.
Além da presença de Guiomar Vidor, presidente da CTB, seção RS, membros da diretoria, integrantes do coletivo e representantes de diversos sindicatos, o ato foi prestigiado pela Ordem dos Advogados do Brasil – RS, através de Jeferson Cardoso, membro da Comissão de Direitos Humanos da entidade e Maria Noelci Homero “Noho”, Diretora Executiva da Ong Maria Mulher.
Por Emanuel de Mattos – CTB-RS
 
Deixe um comentário

Publicado por em outubro 26, 2011 em Uncategorized

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: