RSS

Milao se manifesta contra o Racismo, fascismo, nazismo e xenofobia, depois da morte a tiros de dois senegaleses!

20 dez

Manifestacao em Florenca, em 17.12.2011: “Devemos trabalhar verdadeiramente a favor da coexistência pacífica e o respeito. Isso deve ser uma verdadeira luta e não apenas fachada”, disse um porta-voz da comunidade senegalesa, Pape Diaw.

“Somos todos Senegaleses, italianos e cidadaos do mundo.”

Era o lema da manifestacao contra o Racismo e toda forma de violencia contra migrantes que ocorreu em Milao, na Itália, dia 17 de dezembro de 2011. Era a resposta contundente e popular aos acontecimentos, quando um racista-nazis atacou um mercado de Florenca, assassinando dois senegaleses e ferindo vários outros. Depois da atentado, vendo-se cercado pela polícia o nazi-fascista se matou, atirando na própria cabeca. Militava em um movimento de extrema direita, o Casa Pound. Antes da manifestação deste sábado, vários membros da comunidade senegalesa pediram a dissolução imediata dessa organização.

 

Imigrantes senegaleses protestaram em Bolonha (centro) e em Nápoles (sul).

===========================================================================

O acontecimento que deu origem à Manifestacao:

Ataque racista na Itália contra Senegaleses

A Itália viveu um banho de sangue, esta terça-feira, naquilo que se acredita ter sido um ataque racista.

Dois vendedores ambulantes, originários do Senegal, foram mortos e três outros ficaram gravemente feridos quando um homem abriu fogo em dois mercados no centro histórico de Florença e suicidou-se depois.

Gianluca Casseri, descrito como um homem solitário, era membro da associação política de extrema-direita Casa Pound e autor de livros de ficção científica.

As mortes provocaram de imediato uma onda de consternação, com uma manifestação espontânea de imigrantes africanos a que se juntaram alguns italianos.

Os ânimos exaltaram-se a determinada altura, com os manifestantes a derrubarem motos estacionadas e contentores de lixo. A multidão só se acalmou quando foi dada a notícia do suicídio do assassino.

O presidente Giorgio Napolitano emitiu um comunicado a condenar a violência racista.

Fonte:  2011 euronews

 

Uma resposta para “Milao se manifesta contra o Racismo, fascismo, nazismo e xenofobia, depois da morte a tiros de dois senegaleses!

  1. Magdala de Gusmão

    dezembro 21, 2011 at 5:29 pm

    Penso que precisamos ficar alertas no mundo a todos estes movimentos racistas, facistas, nazistas e xenófobos que já apresentam um significativo crescimento na Europa. Considerá-los atos isolados e sem contextualizar o ambiente que começa a se configurar é além de covardia uma ignorância completa e perigosa.

     

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: