RSS

Pataxó hã-hã-hãe vencem demanda no STF !

03 maio

foto: bildarchiv


”sirvo até de adubo para minha terra, mas dela não saio” – grande guerreiro pataxó Samado

Depois de 30 anos de muita luta, sangue, humilhacoes, o STF (Supremo Tribunal Federal) reconheceu a territorializacao das terras índigenas da nacao Pataxó hã-hã-hãe. Nós que viemos durante esses últimos anos nos alinhando na luta e nos sentimentos de nossos parentes ficamos contentes, mas com a conviccao de que esse passo dado foi o primeiro de uma série que deverá ser dado para que o Brasil “reconheca” de vez todos os terrítórios das nacoes indigenas no país contra a sanha assassina, brutal e racista de latifundiários, fazendeiros, políticos ruralistas, todos esses que há nao sei quantos tempo provocaram sentencas de exterminio ao nossos parentes em todas as regioes do Brasil.

Somos pataxós, tupinambá, guarany kaiová, kaiapó, etc… somos todos os parentes indigenas em nós!!!!

foto: políticaspúblicasbahia

******************************************************************************************

“STF considera nulos títulos de terra localizados em área indígena no sul da Bahia

O Supremo Tribunal Federal (STF) julgou parcialmente procedente a Ação Cível Originária (ACO) 312, que discutia a anulação de títulos de propriedade de terras localizadas na área da Reserva Indígena Caramuru-Catarina Paraguassu, no sul da Bahia. A Funai (Fundação Nacional do Índio), autora da ação, alegou que a área é ocupada desde tempos remotos pelos índios pataxó-hã-hã-hãe. Por maioria, os ministros consideraram nulos os títulos de propriedade localizados dentro da reserva.

A votação seguiu o voto proferido pelo relator do caso, ministro Eros Grau (aposentado), no início do julgamento, em 2008. Na sessão de hoje (2), em que foi retomado o julgamento, acompanharam o entendimento do relator as ministras Cármen Lúcia Antunes Rocha e Rosa Weber, e os ministros Joaquim Barbosa, Cezar Peluso, Celso de Mello e Ayres Britto. O ministro Marco Aurélio divergiu e votou pela improcedência da ação.

Leia matéria completa em:  Supremo Tribunal Federal

ÍNDIO PATAXÓ IGLÉSIO NA UEFS

Iglésio de Jesus, índio Tihi, da Tribo Pataxó Hã Hã Hãe, entrevistado por Dom Peixoto no Campus da Uefs, durante VI Seminário Internacional de Cultura e Linguagem. Convidado, proferiu palestra sobre a cultura e estilo de vida de seu povo.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: